Jetibá Online
Rádio Jetibá Online

17 de Novembro de 2018 | Santa Maria de Jetibá, ES

Busque no Jetibá Online:



Notícias

Defesa Civil afirma que Plano de Emergência pode ser acionado a qualquer momento no ES
Publicado 9 de novembro de 2018

 

Diversas ocorrências foram registradas na Grande Vitória e em municípios do interior do Espírito Santo

 

fc31f890-c657-0136-48ce-6231c35b6685--minified

 

Dos 78 municípios capixabas, 73 foram – ou estão sendo – atingidos pela chuva nas últimas 24 horas. De acordo com a Defesa Civil do Espírito Santo, até a manhã desta sexta-feira (09), doze cidades registraram um acumulado superior a 100 milímetros de chuva.

 

De acordo com o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Carlos Marcelo D’Isep Costa, o Plano de Emergência pode ser acionado a qualquer momento. “Diante dos alertas da Defesa Civil, evoluímos para um alerta máximo e estabelecemos um ponto de comando para que, se necessário, seja acionado o Plano Estadual, que engloba vários órgãos. Com ações planejadas e preparadas com antecedência, estaremos prontos para dar a resposta que a sociedade precisa”, disse.

 

Apesar do alto número de ocorrências, não foi decretada emergência em nenhum município. “Não foi necessário ainda ativar o plano de chamada dos quartéis. É de importância do município fazer o atendimento primeiro, dando a primeira resposta à população. Nós do Estado, estamos prontos para apoiar”, afirmou o coronel D’Isep.

 

Veja a cobertura completa sobre a chuva no Espírito Santo

 

Em todo o Espírito Santo, foram registradas 84 ocorrências, sendo 12 referentes a famílias desalojadas ou desabrigadas. Foram 10 em Aracruz e duas em Vargem Alta. Outras ocorrências são de quedas de árvores, queda de muro, alagamentos e comprometimentos na pavimentação.

 

O coordenador estadual da Defesa Civil, coronel Cerqueira, informou que a situação de alagamentos, ocorrida na Grande Vitória, foi resultado de dois fatores: “Hoje (sexta-feira), em torno das 5 horas, tivemos vários pontos de alagamento por conta da maré alta, combinado com a chuva. Agora, os pontos foram reduzidos, pois a maré começou a baixar”, explicou.

 

Veja as ocorrências registradas pela Defesa Civil:

 

 

Vila Velha

 

– Vários pontos de alagamentos na grande vitória

– Duas residências interditadas; Duas árvores de grande porte em risco; e duas residências em observação Morro do Boa Vista

 

 

Vitória

 

– Vários pontos de alagamentos na grande vitória

– Um caso de queda de muro na Praia do Canto

– Casos de deslizamento de terra em São Pedro, Fradinhos, Santa Tereza

– Deslizamento de terra com queda de muro em Ilha das Caieiras, Santo Antônio

– Infiltração e risco de queda de teto em Santo Dumont.

– Rolamento de Pedra no Bairro Santa Tereza

 

 

Cariacica

 

– Ocorrência de rolamento de pedra em uma empresa nas proximidades da Rodovia do Contorno, na região da Serra do Anil. Duas vítimas sem gravidade.

– Queda de muro e um ponto de ônibus em Porto de Santana.

– Deslizamento de terra no bairro Morada de Campo Grande, sem vítimas.

– Deslizamento de terra no bairro Valparaíso, sem vítimas.

– Queda de Árvore em fios de alta tensão na Escola Alzira Ramos. EDP e Corpo de Bombeiros acionados pela responsável.

 

 

Santa Leopoldina

 

– Queda de arvores sobre residências e rede elétrica.

– Queda de muro na região do centro.

 

 

Vargem Alta

 

– Queda de Muro em Castelinho resultando em um morador desalojado.

– Rolamento de pequena pedra próximo a residências em Jaciguá, não houve danos significativos e nem vítimas.

– Desabamento de residência em Castelinho, sem vítimas.

 

 

Alfredo Chaves

 

– Ruas alagadas.

 

 

Linhares

 

– Queda de parte (paredes de uma residência). E outra também ficou danificada no bairro Nova Esperança

– Ruas alagadas.

 

 

João Neiva

 

– Registro de alagamentos em vários pontos

 

 

Ibiraçu

 

– Acesso ao Hospital de Ibiraçu foi obstruído devido a danos na via ocasionados pela chuva. Trabalho está sendo realizado para reparar o problema.

 

 

Aracruz

 

– Alagamentos, com transbordamento do Rio.

– 10 famílias desabrigadas no bairro Moroba, provisoriamente instaladas no Colégio da Comunidade. (Dado Parcial)

– Três pequenos deslizamentos na região.

– Escorregamento de encosta no bairro São Marcos.

– Queda de Muro no bairro Limão.

– Queda de Muro no bairro Cupido

– Deslizamento de encosta na ES-124 (Aracruz x Guaraná), no bairro Taquaral, com obstrução de meia pista. Trabalho em andamento na desobstrução da via.

 

 

Fonte: Folha Vitória

Comentários