Jetibá Online
Rádio Jetibá Online

21 de Agosto de 2018 | Santa Maria de Jetibá, ES

Busque no Jetibá Online:



Notícias

Domingos Martins vai vacinar mais de 1,7 mil crianças contra o Sarampo e a Poliomielite a partir dessa segunda-feira (6)
Publicado 4 de agosto de 2018

 

Domingos_Martins_vai_vacinar_mais_de_1_7_mil_criancas_contra_o_Sarampo_e_a_Poliomielite_a_partir_dessa_segunda-feira_6

Texto: PMDM / Foto: PMDM

 

Domingos Martins , 04 Agosto 2018

 

A Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo e a Poliomielite começa nesta segunda-feira (6). Em Domingos Martins, todas as 17 unidades de saúde do município já estão preparadas para os trabalhos, das 8h às 11h30 e das 13h às 15h30. De acordo com o Ministério da Saúde, o Brasil enfrenta surtos de sarampo nos estados de Roraima e Amazonas, daí a necessidade da ação nacional. O Espírito Santo não registra casos da doença.

 

 

O público alvo da campanha são crianças de 1 a menores de 5 anos, faixa etária mais suscetível à doença. Segundo o Setor Municipal de Imunização, o grupo prioritário desta campanha soma 1.709 crianças em Domingos Martins. A campanha segue até o final deste mês.

 

 

Adultos não vacinados devem receber a dose prioritariamente em locais onde há surto da doença, como em Roraima e Manaus (AM). Pessoas que já completaram o esquema, conforme preconizado para sua faixa etária, não precisam novamente receber a vacina. Aquelas que nunca foram imunizadas contra a doença devem procurar a unidade de saúde mais próxima, após o término da campanha, no dia 31 de agosto.

 

 

“A meta de cobertura vacinal estipulada pelo Governo Federal é de 95% do público alvo. Já iniciamos o conscientização da população por meio dos agentes de saúde, divulgação em todas as unidades de saúde e na internet”, pontua a referência municipal de Imunização, Iderlene Gütler.

 

 

Dia D

 

O dia de mobilização nacional, o Dia D, será no sábado (18). Todas as unidades de saúde estarão abertas das 8h às 17h para a imunização do público prioritário da campanha. “É importante que todas as crianças compareçam independentemente da sua situação vacinal, é preciso checar se a caderneta está atualizada. Estando com vacinas a tomar, as equipes estarão preparadas para fazer a imunização desta criança”, completa Iderlene.

Comentários