Jetibá Online
Rádio Jetibá Online

27 de Abril de 2017 | Santa Maria de Jetibá, ES

Busque no Jetibá Online:



Notícias

Vídeo feito com drone mostra atual situação da Barragem Rio Bonito em Santa Maria de Jetibá
Publicado 20 de setembro de 2016

 

 

2

Foto: Jetibá Online

 

 

 

Uma equipe do portal de notícias Jetibá Online e outra equipe da empresa KG Filmes estiveram nesta terça-feira (20) em Rio Bonito, Santa Maria de Jetibá onde foi feito um registro com imagens da represa de Rio Bonito. As imagens foram feitas com um drone e retratam a atual situação que a represa e o Rio Santa Maria da Vitória se encontram. O Rio Santa Maria abastece parte da Grande Vitória e está quase seco.

 

 

Em setembro de 2015 a mesma equipe esteve no local e coletou imagens da época. Nesta terça-feira foram coletadas imagens nos mesmos locais e é possível fazer uma comparação. Doze meses depois é pode-se constatar que infelizmente as imagens atuais não são nada animadoras. Existe um volume muito baixo de água apenas no início da represa, onde está a barragem. Quanto mais próximo ao centro da cidade, menor a quantidade de água no Rio Santa Maria da Vitória. Em diversos locais é possível atravessar a pé e em alguns pontos a água nem corre mais.

 

 

Vídeo comparativo entre setembro/2015 e setembro/16

 

 

 

 

Mais fotos

 

img_7740

img_7742

 

img_7745

 

 

 

Abastecimento da Serra e de parte de Vitória e de Cariacica está ameaçado

 

 

De acordo com uma reportagem do jornal Gazeta Online, a Represa Rio Bonito – localizada no Rio Santa Maria da Vitória, possui água suficiente para apenas mais 20 dias. É este manancial que garante o abastecimento da Serra, parte continental de Vitória e parte de Cariacica.

 

 

 

De acordo com o secretário-executivo do comitê da bacia do Rio Santa Maria da Vitória, Roberto Ribeiro, dela ainda continuam sendo liberados cerca de 2.500 litros/segundo. E chegam na represa cerca de 1.000 litros/segundo. “Sem chuva, pode chegar um momento em que não será mais possível saber quanto há de água no local”, pondera.

 

 

 

 

Sufoco

 

De acordo com Roberto Ribeiro, já nos afluentes e na parte superior dos rios do Jucu e Santa Maria da Vitória, já não é possível irrigar as propriedades há mais de quatro meses por falta de água nos rios. “A situação piorou mais acentuadamente para a Grande Vitória agora. Os produtores vem enfrentando o problema de racionamento há meses”, relatou.

 

 

 

 

E mesmo que chova, acrescentou, a situação vai amenizar para os moradores da Grande vitória. Já os produtores vão ter que esperar de um ano e meio até quatro, dependendo da cultura, para recuperar os prejuízos. “Isto se tiver chuva normal nas próximas semanas”, assinalou.

 

 

 

img_7713

 

 

 

 

Fonte: Jetibá Online com adaptações da Gazeta Online

 

 

 


P2 - Banner 900x100

 

Comentários

 

Agenda

01
MAI
Santa Leopoldina / Santa Teresa